Atacama

Oie!!

E o tanto que eu demorei para  fazer essa segunda parte?

kkkkkkk

Mas vamos parar de enrolar e colocar tudo aqui…

O Atacama foi uma viagem muito especial pra mim, principalmente porque fui com pouca expectativa. Mentira, não é que fui com pouca, mas quando eu pensava em deserto, sem água, sem mar, imaginei que fosse ver muito da mesma paisagem.

O que me animou 100% do tempo foi a expectativa de ver o céu de lá, e acredite, é uma das coisas mais maravilhosas que seus olhos verão… por causa desse céu, comprei câmera e lentes novas e foi a melhor coisa que fiz.

Sai do aeroporto de Santiago para o aeroporto de Calama… vá na janela! a vista das cordilheiras e depois do deserto é impressionante. Cheguei em Calama no final da tarde e presenciei um dos pores do sol mais bonitos que já vi na vida… mal sabia eu o céu que me aguardava.

Logo no hall do desembarque você vai ver várias empresas de vans que fazem o transporte até sua pousada em San Pedro. Eu contratei a Licancabur. Nesse momento você ja paga a ida e a volta, dando o nome de onde você irá se hospedar e a hora do seu voo de volta, porque eles te buscam na pousada.

Importante!!! LEVE DINHEIRO!!! As coisas em San Pedro são CARAS e a maioria esmagadora dos estabelecimentos não aceitam cartão!!! Eu tive que fazer um saque internacional lá no final da viagem e não foi nada legal!

Fechamos os nossos passeios com a Araya Atacama, empresa de brasileiros que dentre as mais caras, é a mais barata. Pode fechar com eles sem medo, serviço incrível, são super pontuais ( até demais! ), sempre com grupos pequenos e vinho e comida boa! ( adoramos um lanche, né?! Rs )

O roteiro é pensado primeiro começando dos passeios de menor altitude para os de maior altitude para você aclimatar e não sofrer tanto. Essa época que eu fui, começo de setembro, é muito frio! Alguns locais ainda estavam fechados por causa da neve ( você imaginou que teria lugares com neve no deserto? não? nem eu! ), e agradeci muito por ter comprado as roupas de ski.

IMPORTANTE… AS FOTOS ABAIXO COM A DESCRIÇÃO DOS PASSEIOS, TIREI TODAS DO PDF QUE A ARAYA ME MANDOU!

  • PRIMEIRO DIA DE MANHÃ… Lagunas Escondidas

Captura de Tela 2019-03-09 às 21.41.43

Uma grata surpresa! logo o primeiro passeio tinha ÁGUA! HAHAHA

Esse passeio fomos com o guia, uma senhora e seu filho, e nenhum deles bebiam, ou seja, eu e minha amiga ficamos com todo o vinho! kkkkk

O guia deu uma aula de história e geografia pra que a gente entendesse as paisagens que estávamos vendo. No caminho ele ja fez um preparo psicológico de que poderíamos entrar em duas lagoas para banho, mas que seria preciso de muita concentração porque água estaria extremamente gelada… nesse momento senti que o Atacama poderia me levar ao limite de tudo, e resolvi aceitar TODOS os desafios.

O caminho é coberto de sal, e a agua das lagunas é extremamente salgada, o que te faz flutuar, como no mar morto! É incrível! Mas a sensação do frio é que estão te partindo no meio… no começo dói muito, depois fica tão frio que você se sente anestesiada e ai da para aproveitar a piscininha!

IMG_5310 2

Foto que tirei do pé da minha amiga pelo caminho de sal até as Lagunas

IMG_0837

Flutuando…

IMG_5490

Sensualizani, fingindo que não estava congelando…

Depois das Lagunas que somos levados para tirar aquela famooosa foto do ônibus enferrujado que todo mundo tem!

IMG_5746IMG_5707

Esse passeio para as Lagunas custou 40.000 pesos mais os 5.000 pesos da entrada do parque. Cada parque é controlado por um povoado, então alguns aceitam carteirinha de estudante para desconto, outros não.

  • PRIMEIRO DIA A TARDE… Vale da Lua e da Morte

Captura de Tela 2019-03-09 às 21.42.03

Nesse dia nem almoçamos! Comemos e bebemos tanto no passeio no final da manhã que só voltamos pro hotel, tirei a minha roupa que estava dura de sal, e partimos para  para o passeio da tarde.

Nesse passeio fizemos uma pequena caminhada por umas paisagens muito impressionantes… passamos por fendas estreitas e cavernas e subimos para um lugar que tinha uma vista maravilhosa de umas dunas!

IMG_5840IMG_6063IMG_5976IMG_5950

Revendo as fotos eu estou um pouco impressionada de como eu estava gorda… ainda bem que ja dei um jeito nisso! kkkkkk

Esse dia terminou com um por do sol lindo, visto bem do alto… a variação de temperatura é muito grande durante todo o dia… como podem perceber, nessa época que fomos, iniciávamos o dia com roupa térmica de neve, aos poucos íamos tirando as camadas e ficando com roupas normais… final do dia, depois que o sol se põe, volta um frio de rachar a alma…

IMG_6149

Infelizmente as fotos desse por do sol ficaram uma bosta… só tenho fotos da Golden Hour mesmo!

Preço: 30.000 pesos mais a entrada do parque

  • SEGUNDO DIA DE MANHÃ… Termas de Puritana

Captura de Tela 2019-03-09 às 21.42.15

As termas são “piscinhas, amor”  (hahahaha) formadas no trajeto de um riozinho de água quentinha… uma delicia! O lugar é bem bonito e esse passeio tem a opção de ir por uma trilha ou por carro… fomos de carro mesmo. Essa água não é salgada!

IMG_6624IMG_6683IMG_6700

E como sempre, no final do passeio teve um lanche maravilhoso!

Preço: 35.000 pesos

  • SEGUNDO DIA A TARDE… Laguna Cejar e Tebinquiche

Captura de Tela 2019-03-09 às 21.42.36

Esse passeio é L I N D O!

As Lagunas Cejar são lagunas salgadas assim como as  Lagunas escondidas, e também são muito geladas nessa época… então meditação, preparação mental e coragem…

IMG_7138IMG_7406

Na parte lateral a essas lagunas existe um lugar especial com um pier… essa daqui é com certeza uma das fotos mais bonitas da viagem…

IMG_1163

Saindo das Lagunas, passamos pelo Ojos de Salar para tirar fotos… são pequenas lagoas redondas que funcionam como um espelho… lindo demais!

IMG_1328.JPG

O final da tarde é da Laguna de Tebinquiche…

Vou tentar explicar o lugar… imagina uma lagoa muito comprida, muito mesmo, que reflete toda uma cadeia de de vulcões… o Por do Sol é pelo lado oposto da lagoa, mas esse lugar é tão mágico, tão incrível que a parte mais bonita desse por do sol é olhar as montanhas mudando de cor…

IMG_1347IMG_1417

Essa lagoa é realmente muito comprida… o Guia te deixa no inicio dela e você vai andando até o final que é uma montanha para ver o por do sol… mas o caminho é tão lindo que meio que perdi a hora e tive que correr no final!

Preço: 30.000 pesos mais a entrada do parque

  • TERCEIRO DIA… Geyser el Tatio

Captura de Tela 2019-03-09 às 21.42.59

Esse passeio foi muito especial… sabe aquelas fotos que você vê no seu livro de geografia da escola, que você acha muito distante da sua realidade? Nunca me imaginei vendo isso ao vivo… é um passeio com uma boa altitude, então tem que ser feito depois de alguns dias de adaptação, além disso, sai muito cedo porque é bem cedinho que você consegue observar melhor esse espetáculo da natureza. É MUITO frio… estava fazendo -15 graus no inicio… e mesmo assim tirei a roupa e entrei na água termal quentinha… que experiencia FODA!

Facetune_04-09-2018-14-01-33IMG_1815IMG_8078

Saindo de lá fomos visitar um povoado chamado Machuca, provei churrasquinho de carne de lhama e tiramos mais fotos, lógico!

IMG_2048IMG_8628

Preço: 45.000 pesos mais a entrada do parque de 10.000 pesos

Esse mesmo dia a noite, apesar de não esta no roteiro, fizemos o PASSEIO ASTRONÔMICO!

Eu não sei se vocês repararam mas em NENHUMA foto da viagem tinha alguma nuvem no céu… simplesmente porque o céu não tem nuvens lá. E isso é tão real que fica em San Pedro a cede do Projeto Alma… um projeto com a colaboração de diversos países, incluíndo o Brasil, que tem lá uma série de telescópios que se movimentam em trilhos para poder estudar o céu.

O céu de lá é tão lindo, tão estrelado, tão impressionante que fico emocionada só de lembrar… da pra ver a via láctea a olho nu! O meu sonho de aspirante a fotógrafa era conseguir retratar isso, por isso comprei câmera e lente e por isso passei dias estudando como fazer essa foto… então esse passeio era muito especial pra mim.

Funciona assim, a noite a empresa te busca na sua pousada  e te leva pra um quintal circular, no meio do nada, com um telescópio no centro. Cada cadeira tem um cobertor, porque é realmente necessário e tem uma mesa com lanches e vinhos.

Um guia aponta com laser para o céu para você entender o que você vai ver… gente é impressionante!

Ver no telescópio os anéis de Saturno, como nos livros de ciência… ver Marte extremamente vermelho de um jeito que jamais imaginei ver!

Lá tem a opção de comprar a foto que eles fazem e eu até comprei, mas odiei a minha… e eles não me deram tempo nenhum para fazer a minha própria foto, mas eu fiz mesmo assim e o resultado me fez chorar porque eu consegui retratar mais do que eu conseguia ver!

IMG_8850

Fico emocionada vendo essa foto…

Preço: 25.000 pesos

 

  • QUARTO DIA… Lagunas Altiplanicas

Captura de Tela 2019-03-09 às 21.43.08

No roteiro está escrito “a confirmar” porque como estava no final do inverno, ainda tinha muita neve, então uma trilha que levava até a outra laguna nós não conseguimos fazer porque estava fechada…

Esse dia foi muito gostoso… no caminho o nosso guia nos deu uma aula sobre a cultura e religião local, fez um desenho de uma Cruz Andina nos explicando todo o seu simbolismo. Guardo o papel comigo e tatuei a cruz no meu braço.

IMG_2200IMG_8922

Esse café da manhã foi inesquecível! vocês não tem ideia da paz que era esse lugar, do silêncio…

Depois fomos para o Mirante do Salar, e me diz se não parece uma pintura…

IMG_2288IMG_2416

E para completar… NEVE e mais frio!

IMG_2548

Esse passeio acabou com meu card de memória da câmera!!

IMG_8848

A famosa foto da estrada reta, infinita com os vulcões ao fundo…

IMG_9102

Me joguei no chão feliz para fotografar!

IMG_9016

O antigo caminho dos Incas…

IMG_9081

E o marco do trópico de Capricórnio!

Preço: 70.000 pesos mais a entrada do parque de 2.500 pesos

Esse passeio dura mais tempo e por isso na volta a San Pedro, vamos direto a um restaurante cujo almoço já está incluído no preço do passeio!

A comida era uma delícia e como sempre tinha vinho!!

  • QUINTO DIA… Salar de Atacama

Captura de Tela 2019-03-09 às 21.43.19

Esse foi o único dia que tivemos algum problema com a empresa… como vocês podem ver no nosso roteiro inclui um “coquetel com degustação de vinhos”. Nós entendemos que isso significava que visitaríamos a vinícola que fica proximo a esse povoado de Toconao… mas esse passeio a vinicula tem que ser reservado com antecedencia e nao estava reservado para nós… o que achei uma pena, já que amo vinhos e sai sem provar um produzido no deserto ( apesar de não ter escutado boas recomendações sobre ele…)

O passeio pelo povoado é bem sem graça diante de tudo que já tinhamos visto e ficamos até desanimadas… mas o final do passeio vale MUITO  a pena…

Essa Laguna Chaxa fica em uma reserva, e antes de andar pelo local vimos um video explicando os bichos que poderiamos encontrar pelo caminho… o por do sol desse lugar é sensacional e foi onde fiz algumas das fotos mais bonitas…

IMG_0223IMG_0225IMG_0226IMG_0227IMG_9232IMG_9355

Eu AMO  fotografar a natureza… da uma paz…

IMG_9435.JPG

Esse por do sol não tem filtro… era bonito, intenso e cheio de Deus desse jeito mesmo.

Preço: 45.000 pesos mais a entrada do parque de 2.500 pesos

Esse foi o ultimo dia com a minha amiga no Atacama… no dia seguinte ela voltou para o Brasil, eu troquei de pousada e fiquei mais 3 dias sozinha lá…

 

  • SEXTO DIA… Passeio de Bike pela Garganta Del Diablo

 

Pois bem, como eu não consigo sossegar, parti para as coisas radicais já que eu estava sozinha… Para fazer esse passeio de bike precisa estar muito aclimatado, porque são 30 km de terra e subidas, você passa por lugares extremamente estreitos e com areias muito finas, então a maior parte do trajeto eu carreguei a bike. Levei uma garrafa de água de 1,5L achando que estava arrasando e foi muito pouco! Poderia ter levado mais 2 com facilidade. É muito cansativo, mas a paisagem é linda e vale muito a pena… esse passeio fiz só eu e uma guia, muito simpática!

IMG_0243IMG_0253IMG_0257IMG_0268 2

Depois desse passeio fiquei MORTA, mal consegui comer… dormi por muitas horas e a noite sai para procurar algum lugar para comer ja que todo o restaurante do meu hotel estava reservado para um grupo de estudantes em excursão.

Nesse dia também eu tinha a obrigação de fazer uma Hiperhidratação e uma alimentação com MUITO carboidrato para aguentar bem o desafio do dia seguinte. Como fiquei muito desidratada no passeio de bike, não consegui compensar tudo que eu tinha perdido, então me prejudicou bastante no dia seguinte!

  • SÉTIMO DIA… Subida do Vulcão Cerro Toco

 

Captura de Tela 2019-03-10 às 21.56.03

Esse é o passeio mais caro e o ultimo que deve ser feito.

Desde o primeiro dia, a curiosidade normal foi perguntar para os guias qual o passeio eles mais gostavam… TODOS respondiam a mesma coisa, subir um vulcão. Foi no caminho para as Termas Puritanas que um Guia muito fofo explicou o motivo…

Para os povos Andinos, os vulcões, por estarem mais perto do céu, tem uma conexão com o Divino. Subir um vulcão representa superação de adversidades passadas e uma chance de um recomeço diferente. É como se você usasse a experiencia para perdoar o seu passado e desse espaço para uma vida nova. Desde o momento que ouvi essa explicação entendi perfeitamente o porque eu tinha comprado minha passagem de volta para depois ficando sozinha um tempo lá. Entendi que eu precisava fazer isso.

Olha, a subida não foi fácil, muito pelo contrário… o ar rarefeito da uma sensação de sufocamento e torna a caminhada na neve quase impossível. Passo a passo fica mais perto e mais dificil e em muitos momentos achei que nao suportaria, apesar de ter certeza que eu precisava cumprir essa “missão”. Nesse dia foi só eu e o guia também, mas não um que eu ja conhecia dos outros dias.

Pra conseguir subir eu lembrava do conselho deles, de concentração, meditação, controle da respiração e dos passos, parecia que não chegava nunca e quando eu cai e pensei em falar que eu ia queria desistir, um anjo em forma de mulher passou por mim e disse “Levanta dai, eu estou te esperando la em cima!”.

Pode parecer besteira, mas vocês não tem idéia da força que isso me deu e o quanto isso foi decisivo para que eu apenas levantasse sem reclamar e desse o resto das minhas forças.

d4334e60-f19c-4b0b-aec1-9bec02b4c14ffe903a83-4b11-4c14-bda0-82d9f85c2a75IMG_0341

É muito emocionante chegar ao topo… uma mistura de choro, gratidão, felicidade e falta de ar… kkkkk

O lago verde la no fundo ja é a Bolívia!

Quando você chega ao topo fica pouco tempo para se recuperar, porque como é o ar mais rarefeito, quando menos você ficar, melhor! E por mais dificíl que seja de acreditar, descer foi pior que subir… porque eu reuni tudo que tinha para terminar a subida, e praticamente não sobrou nada pra descer… minhas pernas tremiam, eu tropecei e cai algumas vezes… a roupa pesada não ajudava a levantar…

Quando finalmente cheguei na base onde estava o carro, fiquei algum tempo achando que iria vomitar… fiquei nauseada o caminho todo de volta para o hotel, taquicárdica, suando frio e com crise de enxaqueca. Chegando no quarto eu estava com tanta fotofobia que eu não conseguia olhar a tela do meu celular para responder mensagem e avisar a todo mundo que eu estava bem. Só tirei a roupa suja e me joguei no chão do quarto, dormi ali mesmo e acordei horas depois, tentando assimilar tudo que tinha acontecido.

Foi realmente uma experiencia MUITO INTENSA, tanto física como emocionalmente.

Na verdade o Atacama todo foi assim pra mim… aproveitei ao máximo, e espero retornar… quero ter a chance de olhar mais vezes esse com o azul mais lindo, mais limpo e as estrelas mais brilhantes…

 

HOSPEDAGEM…

O primeiro hotel foi o Hostal Montepardo . Hostal pelo que eu entendi são pousadas, e não hostel… nós tinhamos nosso próprio quarto com banheiro, nada compartilhado, e o café da manhã era uma delícia! Se por acaso você fosse sair muito cedo para algum passeio, você podia deixar avisado no dia anterior que a moça deixava um lanchinho para você levar!

Como fiquei mais alguns dias sozinha e o Montepardo não tinha mais lugar, tive que ir para outro hotel que reservei no Booking mesmo na hora, e escolhi o Hotel Diego de Almagro que apesar de maior e muito mais perto do centro, estava cheeeeeio de crianças em excursão e o aquecedor do quarto não funcionou a noite e eu quase congelei! Mas sem dúvidas é um bom hotel!

 

RESTAURANTES

Eu achei que tivesse tirado mais foto de mais restaurantes… mas só achei esses três!

o Lolla eu lembro que era uma delícia e aceitava cartão… coisa rara… todos são caros!

Tem uma rua, perto de uma pracinha que fica atras da rua principal que tem varias barraquinhas ( barraquinhas mesmo, parece uma feira) mas que servem almoço gostoso por um precinho melhor… tipo 5.000 pesos! Vale a pena!

Demorei mais fiz o mais completo que eu podia!

Espero que gostem das dicas, se animem e que se surpreendam com o Atacama como eu me surpreendi!!

Beijos

Dra. Kamila Teles